‘Recessão nos EUA abrirá espaço para corte agressivo nos juros’, diz economista-chefe do UBS | Finanças | Valor Econômico